A Wine Chef é um projeto que chegou a BH para oferecer degustações de vinhos de alto nível dirigidas pelo chileno Alex Ordenes, único sul-americano titulado Sommelier Conseil pela Université Du Vin, em Suze la Rousse, na França.

IMG_4297

 

Em um encontro promovido pela Associação Brasileira de Sommeliers degustamos 8 vinhos chilenos entre R$200 e R$800, bastante expressivos e com características próprias, de diferentes regiões vinícolas do Chile.

IMG_4291

Iniciamos pelo vale de Leyda, situado a 100km de Santiago. A região é privilegiada pela corrente fria de Humboldt proveniente do Oceano Pacífico e, por consequência, dá origem a vinhos excelentes a partir das uvas Chardonnay e Pinot Noir. O Ventolera Chardonnay Private Cuvée, 2013 (R$350) tem 95 pontos no Guia Descorchados e o Ventolera Sauvignon Blanc, 2016 (R$ 220) tem 94 pontos no Descorchados e 94 James Suckling. Aromas clássicos de um Sauvignon Blanc. Já o Private Cuvée passa por madeira e apresentou aromas especiais, não comuns em um Chardonnay chileno.

Apesar do vale de Casablanca ser conhecido pelo primor em uvas brancas (Sauvignon Blanc e Chardonnay), degustamos duas tintas de clima frio: Cabernet Franc e Syrah da vinícola Loma Larga safras 2014 e 2012 respectivamente, ambos os exemplares com 93 pontos Descorchados com um preço de referência de R$220. O Cabernet Franc apresentou um presente aroma de grama cortada.

O vale do Maipo é mais o conhecido do Chile, onde se encontra importantes vinícolas como a Concha Y Toro, Santa Rita, Alma Viva, Santa Carolina, Cousiño Macul, Undurraga e Tarapacá. É onde se localiza a vinícola Chocalan, da qual degustamos o ícone Alexia safra 2011 (R$400) (93 pontos Wine & Spirits e 94 Tasting.com) feito com as melhores uvas do Maipo. Já o Vitrum Pinot Noir, 2015 (R$200) tem uvas do vale de San Antônio.

Stefano Gandolini, proprietário também da Ventolera, produz somente um vinho na Gandolini Wines, situada do Vale do Maipo. O nome Las 3 Marías, é uma homanagem as três mulheres da sua vida: esposa, mãe e avó, todas Marias. Pontuou 95 no Descorchados essa safra de 2012 que degustamos. Espetacular! Preço Referência: R$590.

Para fechar com chave de ouro, o melhor Petit Verdot do mundo segundo Robert Parker na safra de 2006. Situada no vale do Aconcagua, a Von Siebenthal é reponsável pelo vinho Toknar, maior pontuação por Robert Parker na história do vinho do Chile. Tive a honra de prov