Produtores das sete regiões oficialmente reconhecidas pelo Estado: Araxá, Campos das Vertentes, Canastra, Cerrado, Serra do Salitre, Serro e Triângulo Mineiro estarão do dia 28 a 30 de julho na Serraria Souza Pinto levando ao público conhecimento e cultura sobre o maior orgulho dos mineiros: o queijo minas artesanal de leite cru.

Os produtores mineiros que foram premiados com uma medalha superouro, uma ouro, sete de prata e três de bronze, no Salão Internacional do Queijo 2017, em Tours, na França, onde concorreram com mais de 700 produtos de 20 países, vão participar desse super festival realizado pelo Sistema Faemg e Sebrae.

Super Ouro
Araxá – Fazenda Caxambu – produtora Marli Leite (município de Sacramento)

Prata
Canastra – Capela Velha
Serro – casca lavada – Cooperativa do Serro
Serro – casca ácaros – Cooperativa do Serro
Canastra – Vale da Gurita
Canastra – Reinaldo de Faria Costa (município de Vargem Grande)
Serro – Queijo Kankrej – Túlio Madureira
Sul de Minas – Santo Casamenteiro – Queijos Cruzília

Bronze
Campo das Vertentes – Sabores do Sítio – Lúcia Resende (município de Tiradentes)
Serro – Queijo Gir – Túlio Madureira
Sul de Minas – Queijo d’Alagoa – Osvaldo Martins de Barros Filho

.

Os visitantes poderão harmonizar os queijos com azeites, cervejas e vinhos mineiros, participar de cursos, palestras e degustações elaboradas por chefs renomados.

.

Os queijos da Canastra são levemente ácidos, agradáveis, de consistência semidura e natureza manteigosa. Essa região será representada pelo prato do chef Flávio Trombino: farofa com jiló, abobrinha, ovos, cubos de queijo e ervas frescas. Com a cultura da cozinha regional em seu DNA, Flavio escreveu sua história a partir do aprendizado que teve dentro de casa com sua mãe, fundadora de um dos mais tradicionais restaurantes de Belo Horizonte, o Xapuri. Seu currículo traz participação em grandes eventos regionais, nacionais e internacionais, ressaltando a paixão pelas raízes da culinária mineira e suas inúmeras aplicações na gastronomia.

Chef Flávio Trombino

Já em Araxá, a fabricação queijeira usa a técnica introduzida pelos colonizadores portugueses. Na região, a iguaria tem sabor ácido e não picante, além de consistência semidura e manteigosa. Para evidenciar as qualidades desse queijo, Jaime Solaris vai fazer dadinhos de tapioca com mel silvestre. O chef tem experiência em grandes restaurantes nacionais e internacionais, entre eles Ah!Bon, O Dádiva e o renomado Mirazur, na França. É fundador da Borracharia Gastrobar, que recebeu o certificado de Excelência TripAdvisor 2016 pelas ótimas e consistentes avaliações de clientes no maior site de viagens do mundo.

Chef Jaime Solares

Serra do Salitre é a região produtora dos queijos tradicional, meia-cura, imperial, temperado e curado. Para demonstrar a aplicação gastronômica desse produto, Mário Santiago e Lucas Parizzi vão elaborar o pão de queijo recheado com costelinha de porco ao molho de goiabada defumada e crocante de queijo. Os chefs são fundadores da A Pão de Queijaria, primeiro espaço do Brasil inteiramente dedicado ao pão de queijo. Através de uma releitura inovadora e descontraída, servem o quitute feito com diferentes queijos e sanduíches que o utilizam como base. Inaugurada em 2014, foi eleita pelos leitores e júri especializado da revista Veja BH o melhor pão de queijo da cidade.

Chefs Mario_Lucas

O queijo da região do Triângulo é caracterizado pelocheiro levemente ácido e sabor suave, um pouco de acidez e consistência semidura. Será representado pelo chef Eduardo Maya, que vai elaborar o Würscha, um delicioso sanduíche com linguiça recheada. Eduardo é o criador responsável por numerosos projetos de gastronomia, como o Aproxima, o Comida di Buteco, o Boteco Bohemia e o evento beneficente Tainha com Sardinha. Além disso, tem participação nos mais conceituados eventos gastronômicos do país.

Chef Eduardo Maya

Por sua vez, a região do Campos das Vertentes faz parte de um roteiro que atrai turistas de todo o país. O queijo artesanal, sua referência gastronômica, tem um sabor levemente ácido e consistência semidura, será a base do prato do chef mineiro Caetano Sobrinho: gnocchi de batata com ragu de galinha caipira e fondutta de queijo. Caetano, que tem no currículo vários prêmios e experiência em importantes restaurantes internacionais, comanda a cozinha d’A Favorita, restaurante que é referência gastronômica de Belo Horizonte há 15 anos.

Chef Caetano Sobrinho

Privilegiada pela localização próxima aos grandes centros produtores, pela fertilidade do solo, grande quantidade de água e clima ameno, a região do Cerrado produz queijos ligeiramente ácidos e agradáveis, com consistência semidura e manteigosa. E este produto dará origem ao prato do chef Guilherme Melo, composto por abóbora Caburé recheada com carne de sol e queijo artesanal. Guilherme é proprietário do restaurante Hemengarda, que já foi escolhido como ‘melhor cozinha variada’ da cidade e tem uma estrela no Guia 4 Rodas. Guilherme tem em sua trajetória prêmios como o chef do ano e revelação pela Veja BH.

Chef Guilherme Melo

Com sabor brando e ligeiramente ácido, consistência firme e levemente quebradiça, os queijos do Serro têm características peculiares, atribuídas ao tipo regional da pastagem do gado leiteiro, clima e aos segredos da arte de produção. E é esse produto que será matéria prima do prato elaborado pelo chef Eduardo Puaiati durante o Festival do Queijo Minas Artesanal, em BH: polpetas suínas com foundue de polenta branca ao queijo do Serro. Puiati tem 28 anos de experiência na gastronomia e foi um dos chefs organizadores da comitiva que representou Minas Gerais no maior evento de gastronomia do mundo, o Madrid Fusión 2013.

Chef Edson Puati

 - Exposições, degustações e atrações gastronômicas:

28 de julho, sexta-feira das 18 às 23h
29 de julho, sábado das 12 às 22h
30 de julho, domingo das 10 às 18h

- Escolha do Melhor Queijo do Festival:

29 de julho, sábado a partir das 14h – votação do público
30 de julho, domingo a partir das 12h – premiação dos ganhadores

Ingressos no local ou antecipados via Sympla: R$ 10 (inteira); R$ 5 (meia).

.

1º Festival do Queijo Minas Artesanal

Serraria Souza Pinto

Av. Assis Chateaubriand, 809, Centro, Belo Horizonte, MG, Brasil

www.festqueijominasartesanal.com.br